Segunda, 25 de março de 2019
82 9 9131 8010
Educação

27/02/2019 às 13h34 - atualizada em 27/02/2019 às 14h02

276

Phablo Monteiro

Atalaia / AL

Semed Atalaia mobiliza gestores, coordenadores e professores para a I Jornada Pedagógica de 2019
O evento acontece até a próxima sexta-feira, 01 de março.
Semed Atalaia mobiliza gestores, coordenadores e professores para a I Jornada Pedagógica de 2019
I Jornada Pedagógica de 2019.

Com a proximidade do início das aulas na rede municipal, marcada para o próximo dia 11 de março, a Prefeitura de Atalaia, através de sua Secretaria de Educação (Semed), iniciou na manhã desta quarta-feira (27), a I Jornada Pedagógica de 2019. Realizado na Escola Municipal Suzana Craveiro, o evento acontece até a próxima sexta-feira (01).


A Jornada Pedagógica é de fundamental importância para o planejamento do trabalho a ser realizado pelas escolas municipais e Semed ao longo do ano letivo de 2019 e tem como público alvo os gestores, coordenadores pedagógicos, professores dos anos iniciais, Educação do campo, professores do 1º segmento da Educação de Jovens e Adulto (EJA) e da Educação Especial (AEE).


Responsável pela abertura do evento, a secretária de Educação, Jirlene Costa, destacou a importância deste evento e a expectativa de um novo momento para a Educação atalaiense. “É uma oportunidade em que vamos sentar com toda a equipe técnica, com os gestores, os coordenadores e os professores, para alinhar todo o trabalho da Semed, transmitindo a todos qual será o nosso plano de ação. Iremos iniciar o ano letivo de 2019 com outras perspectivas e isso não só com relação ao salário, que sabemos que é importante, mas também com relação a organização pedagógica”, destaca a secretária.


Sobre a queda do número de alunos matriculados, um dos grandes problemas enfrentados pela maioria dos municípios brasileiros, a secretária destaca os fatores que contribuem para isso e a importância de buscar retomar a credibilidade junto aos pais. “É um assunto que tem nos preocupado. Não é uma questão só do município de Atalaia, mas em todo o Estado de Alagoas e acredito que em grande parte do Brasil. São vários os fatores que contribuem, como a queda da taxa de natalidade. No caso específico de Alagoas, com o fechamento das usinas, muitas famílias estão migrando para outros Estados, em busca de emprego. O aumento da oferta de ensino particular, por conta até mesmo das paralisações, também contribuem para isso. Esse ano é momento de ganharmos credibilidade, para poder recuperar nossos alunos”.


Com relação às reformas das escolas e creches, a secretária frisou que a gestão já tem feito levantamentos e iniciado os reparos em algumas unidades de ensino. "Com o desgaste do ano letivo, há muitas coisas a se fazer nessas unidades, mas já foi iniciado esse trabalho de reparo, para tentar até o início das aulas, ter concluído grande parte”, comentou a secretária Jirlene Costa.

Clique nas imagens abaixo para ampliar:
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium