Sexta, 14 de Junho de 2024
25°

Tempo nublado

Atalaia, AL

Cidade Confusão

Prefeita de Atalaia aciona autoridades após confusão envolvendo vice-prefeita, vereadores e guardas municipais

Prefeita Ceci classificou a situação como “truculenta e antidemocrática”.

14/09/2023 às 00h28 Atualizada em 14/09/2023 às 07h18
Por: Phablo Monteiro Fonte: Por Assessoria / Site Aqui Agora AL / A Notícia Alagoas
Compartilhe:
Prefeita de Atalaia diz que vai acionar Polícia e MP após vice e vereadores agredirem guardas municipais.
Prefeita de Atalaia diz que vai acionar Polícia e MP após vice e vereadores agredirem guardas municipais.

A prefeita da cidade de Atalaia, Ceci Herrmann, anunciou nesta quarta-feira, 13, por meio de comunicado oficial, que irá tomar medidas legais após uma confusão que ocorreu em frente ao prédio da prefeitura. O incidente envolveu guardas civis municipais, a vice-prefeita do município Camyla Brasil e três vereadores.

De acordo com a prefeita Ceci Herrmann, a confusão teve início depois que a vice-prefeita Camilla Brasil e os vereadores Maurício Tenório, Marcos Rebolo e Anderson Medeiros invadiram a sede da prefeitura, resultando em agressões aos guardas municipais. Ceci Herrmann descreveu a ação como truculenta e antidemocrática, enfatizando que os indivíduos invadiram o prédio de maneira irracional e violenta, além de cometerem abuso de autoridade.

A prefeita ressaltou que a cidade de Atalaia é ordeira e que não há espaço para ações ilegais como essa. Por isso, ela informou que acionará o Ministério Público Estadual, a Polícia Civil de Alagoas e o Poder Judiciário para que o caso seja apurado e as devidas providências sejam tomadas.

Continua após a publicidade

Por sua vez, a vice-prefeita e os vereadores alegaram que estavam na prefeitura para mediar uma reunião entre o Executivo Municipal e os moradores da cidade que foram afetados por uma enchente em julho deste ano. Segundo eles, o grupo de moradores ocupou o prédio da prefeitura em busca de respostas sobre o pagamento das indenizações.

Durante a tentativa de diálogo, um representante da prefeitura informou que a prefeita não estava disponível nos próximos dias, marcando um encontro para o dia 25 deste mês. Diante disso, os manifestantes decidiram manter a ocupação do prédio. A confusão teve início quando os agentes públicos, seguindo ordens da prefeita, tentaram retirar o grupo de moradores do local, de acordo com o vereador Maurício Tenório.

Após o tumulto, os manifestantes foram autorizados a realizar a refeição no estacionamento da prefeitura. A prefeitura, por sua vez, informou em nota que não recebeu nenhum pedido oficial de reunião por parte dos representantes do grupo.

Ceci Herrmann esclareceu que, mesmo diante da queda de recursos do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), a prefeitura tem fornecido toda a assistência necessária às vítimas das enchentes. No entanto, ela ressalta que algumas pessoas se reuniram com o objetivo de invadir a prefeitura e causar danos ao poder público, sem tentar resolver as questões de forma legal até o momento.

Diante desse cenário, a prefeita decidiu acionar as autoridades competentes para que a situação seja investigada e as responsabilidades sejam apuradas. As próximas ações dependerão dos desdobramentos das investigações e das decisões tomadas pelo Ministério Público Estadual, pela Polícia Civil de Alagoas e pelo Poder Judiciário.

 

* Com informações do site A Notícia Alagoas e Aqui Agora AL.

Confira os vídeos publicados pelo Aqui Agora AL:

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por @aquiagoraal (@aquiagoraal)

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias