Sexta, 12 de Agosto de 2022
18°

Muitas nuvens

Atalaia - AL

Cidade GM Atalaia

'Tirar uma vida por irresponsabilidade', diz pai de ciclista morto atropelado por motorista bêbado na BR-316, AL

Ciclista era o guarda municipal Alexandre Guimarães Moura, de 41 anos. Nº de condutores presos em flagrante por embriaguez aumentou cerca de 700%, segundo dados da Lei Seca.

12/07/2022 às 14h44 Atualizada em 19/07/2022 às 08h59
Por: Phablo Monteiro Fonte: G1 AL
Compartilhe:
Guarda civil municipal Alexandre Guimarães, 41 anos, morre atropelado por motorista bêbado em Satuba, Alagoas — Foto: Reprodução/TV Gazeta
Guarda civil municipal Alexandre Guimarães, 41 anos, morre atropelado por motorista bêbado em Satuba, Alagoas — Foto: Reprodução/TV Gazeta

O guarda municipal Alexandre Guimarães Moura, 41 anos, morreu atropelado por um motorista bêbado no fim de semana, na BR-316, em Satuba. O corpo de Alexandre foi enterrado nesta segunda-feira (11), no cemitério São José, em Maceió.

Alexandre Guimarães era guarda municipal em Atalaia, mas morava em Maceió. Ele volta para casa de bicicleta quando foi atropelado.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o teste do bafômetro constatou que o motorista estava dirigindo bêbado quando atropelou e matou o guarda municipal. O homem, que não teve a identidade divulgada, foi preso em flagrante.

Os dados da Lei Seca em Alagoas mostram que, de janeiro até junho, 67 pessoas foram presas em flagrante por dirigir bêbadas no estado, um aumento de 735,5% na comparação com o mesmo período do ano passado

Armando Guimarães, pai da vítima, disse que o acidente foi causado por irresponsabilidade do motorista do carro.

"Jamais eu ia esperar uma coisa dessa [morte no trânsito]. Se fosse uma doença, mas assim, tirar uma vida por irresponsabilidade. Esse carro vinha no sentido contrário, subindo, perdeu o controle, foi para a contramão e pegou ele [o filho] de frente e jogou ele no mato, contou o pai da vítima.

Alexandre Guimarães Moura era casado e tinha uma filha de 11 anos.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias