Quinta, 26 de Maio de 2022
27°

Chuva

Atalaia - AL

Destaques Atalaia na Sapucaí

Com Dola Rocha participando do desfile da Beija-Flor, Atalaia marca presença na Sapucaí

“Não existem palavras para expressar qualquer tipo de sentimento neste momento", destaca Dola Rocha.

23/04/2022 às 09h39 Atualizada em 26/04/2022 às 21h20
Por: Phablo Monteiro Fonte: Fotos: Divulgação
Compartilhe:
Dola Rocha é Atalaia presente na Sapucaí.
Dola Rocha é Atalaia presente na Sapucaí.

Após dois anos sem Carnaval, as escolas de samba do Grupo Especial voltaram à Sapucaí, na zona central do Rio de Janeiro, na noite de sexta-feira, 22. Entre as agremiações, a tradicional e multicampeã Beija Flor de Nilópolis, que levou música, brilho e contou com uma participação muito especial para todos nós atalaienses na passarela do samba carioca.

É que o artista da terra, Dola Rocha, que tem sua historia muito ligada as Quadrilhas Juninas, sendo tricampeão alagoano, campeão brasileiro com Asa Branca, campeão alagoano com Rosas dos ventos de quadrilha junina, dentre outros títulos, foi um dos destaques do carro alegórico 6 da escola Beijo Flor, representando Atalaia na Sapucaí. 

A convite da porta bandeira Selminha Sorriso, o jovem ator, diretor de teatro, mestre de cerimônias, turismólogo, bacharel em Direito e Professor não mediu esforços para viajar ao Rio de Janeiro e realizar este sonho. Com apoio da Prefeita Ceci Rocha, Toni Barros, Marcondes Barros, Deputado Ricardo Nezinho, Professor Lesso e SEATA, Dola Rocha embarcou para participar deste mundo de emoção e magia. Um momento inesquecível!

“Não existem palavras para expressar qualquer tipo de sentimento neste momento, só tenho a agradecer a minha família por sempre me incentivar e apoiar nas minhas decisões, as pessoas que me ajudaram na concretizar este sonho e principalmente a Deus por permitir que mais uma etapa seja realizada”, destaca Dola Rocha.

A emoção foi ainda maior, pois Dola Rocha é filho do saudoso Zé Neto, um dos grandes folcloristas de Atalaia, fundador inclusive da primeira Escola de Samba de Atalaia. “Passou um filme na minha cabeça quando a escola começou a entrar na Sapucaí. Lógico que não poderia deixar de lembrar do meu pai Zé Neto que fundou a primeira Escola de Samba em Atalaia, Os Carecas. A emoção tomou conta em lembrar dessa figura mais que especial na minha vida”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias