Sexta, 12 de Agosto de 2022
20°

Pancada de chuva

Atalaia - AL

Alagoas PGJ AL

Candidato único, o atalaiense Márcio Roberto será reeleito para o cargo de Procurador Geral de Justiça do Estado de Alagoas

O atalaiense deve ser eleito por aclamação no pleito que será realizado em janeiro de 2022.

06/12/2021 às 23h24 Atualizada em 14/12/2021 às 21h32
Por: Phablo Monteiro
Compartilhe:
Procurador Geral de Justiça de AL, Márcio Roberto Tenório de Albuquerque.
Procurador Geral de Justiça de AL, Márcio Roberto Tenório de Albuquerque.

Um grande orgulho para o município de Atalaia, que continuará tendo um filho ilustre da terra a frente do Ministério Público do Estado de Alagoas para o próximo biênio. O prazo para a inscrição de candidaturas se encerrou nesta segunda-feira (6), e apenas Márcio Roberto Tenório de Albuquerque, atual Procurador Geral de Justiça, se candidatou para ocupar o cargo. 

O atalaiense deve ser reeleito por aclamação no pleito que será realizado em janeiro de 2022, no prédio-sede da Procuradoria Geral de Justiça. Na ocasião, será apreciado como único nome para compor a lista tríplice que será encaminhada para apreciação do governador do Estado, Renan Filho.

Em nota divulgada em suas redes sociais, Marcio Roberto se mostrou agradecido pelo reconhecimento ao trabalho que vem desempenhando como chefe do MP de Alagoas. Confira a nota na íntegra:

Amigos

Encerrado o período de inscrição para o pleito de janeiro de 2022, onde estaremos como nome único, grato estou pelo reconhecimento de um trabalho desempenhado com muito afinco, alicerçado pela fé em Deus, pela família  construída (graças a Deus  aumentada com Luane e Liz), pelo compromisso e pela palavra honrada, sem em nenhum momento temer quaisquer desafios (e não foram poucos). Não tenham dúvidas de que manteremos um contato aproximado, sentaremos para discutir os anseios de cada Promotoria de Justiça, colocando-me sempre à disposição de membros e servidores para tentar sanar os problemas e promover o bem-estar de todos.

Sigamos unidos, apresentemos à sociedade um Ministério Público fortalecido,  sem divisões, pensando tão somente em crescer cada vez mais de forma respeitosa, em plantar cidadania e colher bons frutos. Avante, amigos, temos muito a conquistar, o tempo urge e não podemos ficar inertes. Reconheço que o êxito da nossa gestão seria impossível sem a competência, colaboração e apoio dos senhores, com os quais almejo contar na extensão do nosso percurso.

Terão sempre um amigo para ouvi-los, portas abertas quando precisarem, contem comigo até o fim.

A luta continua, a missão agora é  “Para Valorizar Muito Mais”. 

Um abraço

Márcio Roberto

 

Histórico

Márcio Roberto Tenório de Albuquerque se formou em Direito pelo Cesmac em 1982 e possui especializações em Direito Processual e Direito Penal. Ele ingressou no Ministério Público em 5 de março de 1987 e atuou como promotor de justiça por 23 anos, até ser nomeado procurador de justiça.

Enquanto promotor, iniciou sua carreira na 1ª Promotoria de Justiça de São Miguel dos Campos, na condição de substituto. Depois, passou a ser titular em diversas outras comarcas, a exemplo de Delmiro Gouveia, Água Branca, Cacimbinhas, Maragogi, São José da Laje e Arapiraca.

Em Maceió, Márcio Roberto ficou 10 anos no Tribunal do Júri. E foi lá que ele ganhou destaque em duas atuações. Na primeira, participou das investigações sobre a morte da então deputada federal Ceci Cunha, desde a fase do inquérito policial até a propositura da ação penal contra os acusados. Foi ele o autor da denúncia contra Talvane Albuquerque, acusado de ser o mentor intelectual da chacina.

Na sequência, investigou e denunciou a Gangue Fardada, que era, à época, comandada pelo então coronel Manoel Cavalcante.

Em 2010, Márcio Roberto ascendeu ao cargo de procurador de justiça e passou a atuar na 4ª Procuradoria de Justiça Criminal. Em 2013, ele foi se tornou corregedor-geral de justiça, cargo que ocupou por dois anos.

Ocupou o cargo de subprocurador-geral administrativo institucional desde 2017, compondo a administração superior na gestão de Alfredo Gaspar de Mendonça Neto.

Em abril de 2020, Márcio Roberto Tenório foi nomeado procurador-geral de justiça para o biênio 2020/2022.

Marcio Roberto, sua esposa Roberta e seu filho Márcio Júnior.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias