Câmara Municipal Poder Legislativo

Cicinho é eleito presidente da Câmara de Vereadores de Atalaia para o biênio 2021/2022

Aos 48 anos, parlamentar do PSC, mesmo partido da prefeita Ceci Rocha, vai ocupar a chefia do Legislativo pela segunda vez.

02/01/2021 13h46 Atualizada há 3 semanas
572
Por: Phablo Monteiro Fonte: Fotos: Jal Gomes
Cicinho é o novo presidente da Câmara Municipal de Atalaia.
Cicinho é o novo presidente da Câmara Municipal de Atalaia.

O vereador José Cícero Melo dos Santos, o Cicinho (PSC) foi eleito presidente da Câmara Municipal de Atalaia (AL) para o biênio 2021/2022, com 12 votos, em eleição realizada entre os parlamentares na noite desta sexta-feira (1ª). 

Esta é a segunda vez que Cicinho ocupa o cargo de presidente do Legislativo atalaiense, tendo sido presidente entre os anos de 1995 a 1996.

A mesa diretora para este biênio também está definida, só com vereadores do PSC:

• Presidente: Cicinho (PSC)

• Vice-presidente: Lays Melo (PSC)

• 1º secretário: Anderson Medeiros (PSC)

• 2º secretário: Rudinho (PSC)

O vereador Alexandre Tenório (MDB) ficou como suplente do 1º secretário e o vereador Tacinho (PP), suplente do 2º secretário.

“Os senhores vereadores não irão se arrepender, vão ter um presidente parceiro, amigo, companheiro, para que juntos a gente consiga ajudar o nosso município a se desenvolver. Aproveito para agradecer a minha família, aos meus amigos, as pessoas que me acompanharam nessa jornada. Muitas vezes ouvi as pessoas dizerem que eu não teria condições de voltar à Câmara de Vereadores. Mas, tudo isso é permitido por Deus e se não fosse ele, eu não estaria aqui vereador. Se não fosse a amizade que tenho com os senhores vereadores, talvez eu não estaria aqui sentado nesta cadeira pela segunda vez. Que seja um ano de 2021 com muitas vitórias para o povo de Atalaia”, destacou em seu discurso, o vereador Cicinho, novo presidente da Câmara Municipal.

Nova mesa diretora é composta por vereadores do PSC.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias