Cidade Estágio

Promotorias de Justiça de Atalaia e Taquarana abrem seleção para estágio

Inscrições acontecem no período compreendido entre os dias 14 e 18 de setembro.

27/08/2020 07h09 Atualizada há 2 semanas
312
Por: Phablo Monteiro Fonte: MPAL / Texto Janaína Ribeiro
Oportunidade de estágio no MP em Atalaia.
Oportunidade de estágio no MP em Atalaia.

As Promotorias de Justiça de Atalaia e Taquarana divulgaram, nesta quarta-feira (26), o edital do processo seletivo público simplificado para provimento de vagas para estágio naquelas duas cidades. Os estudantes interessados deverão estar regularmente matriculados no curso de Direito e fazer suas inscrições no período compreendido entre os dias 14 e 18 de setembro. 

As regras da seleção foram publicadas hoje no diário oficial eletrônico do Ministério Público Estadual de Alagoas (MPAL), nas páginas 15 e 17, e as inscrições devem ser feitas por meio do endereço eletrônico https://forms.gle/nopFpbD751nsd2xc9

Os estudantes que forem aprovados farão estágio com carga horária de 20 horas semanais, no período de funcionamento de cada promotoria. “Esta será uma grande oportunidade para os universitários participarem da rotina dos membros do Ministério Público e adquirirem conhecimento”, afirmou o promotor de Justiça Bruno Baptista. 

Vagas e bolsa educacional

Estão sendo oferecidas três vagas: duas para Atalaia e uma para Taquarana. O estagiário terá direito a uma bolsa de complementação educacional no valor de um salário-mínimo vigente, auxílio-transporte e seguro de vida, conforme previsão da Lei n.º 11.788/2008, da Resolução CNMP n.º 42/2009 e do Ato do Conselho Superior do MPAL nº 01/2018.

Oportunidade acadêmica

Para a promotora de Justiça Ariadne Dantas Meneses, o estágio beneficia estudantes e instituição, uma vez que os primeiros terão a chance de aprimorar sua formação acadêmica, bem como dotarão o Ministério Público de estagiários que apoiarão as ações dos agentes ministeriais. “Trata-se de uma oportunidade ímpar para os estudantes atuarem ao lado de profissionais qualificados que já estão no Direito há um certo tempo. Nessa troca de experiências frutífera, o acadêmico poderá conhecer a dinâmica da instituição, acompanhar o comprometimento dos membros e servidores com a causa social e, acima de tudo, partilhar de valores morais importantes ao agente em formação”, comentou ela.

Os critérios de avaliação

Os candidatos interessados deverão enviar toda a documentação necessária ao e-mail daquela promotoria que lhe interessar. Todo o processo de seleção será on-line em razão da pandemia da Covid-19. Para a a PJ de Atalaia, o endereço eletrônico é o pj.atalaia@mpal.mp.br; já para Taquarana, é o pj.taquarana@mpal.mp.br.

Além de se inscreverem pelo link, os estudantes deverão enviar aos promotores de Justiça os seguintes documentos: histórico escolar com a discriminação de todas as matérias cursadas até julho de 2020 e que estiverem sendo cursadas no segundo semestre de 2020, devendo constar o índice/coeficiente de rendimento – nos casos em que o histórico não informar tal índice, o candidato deverá apresentar ainda uma declaração da instituição de ensino superior que contenha essa informação; declaração da faculdade ou universidade constando o período do curso superior em que o aluno está matriculado no 2º semestre de 2020; cópia do RG e do CPF ou de carteira de habilitação; certidão de antecedentes cíveis e criminais das Justiças Federal e Estadual; currículo resumido com atividades eventualmente desempenhadas pelo candidato; ficha de inscrição preenchida, através do link https://forms.gle/nopFpbD751nsd2xc9.

O resultado final

A lista de classificação será publicada no DO do MPAL e no Portal de Transparência do Ministério Público do Estado de Alagoas no dia 22 de setembro. E os candidatos classificados serão convocados por meio de publicação, também via diário oficial e, ainda, por e-mail, devendo enviar a documentação necessária para assumir o estágio no prazo de sete dias úteis a contar da data de publicação da convocação.

EDITAL (PÁG 15)

Formulário de Inscrição

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias